Segunda-Feira, 23 de Outubro de 2017

19/7/2012 - Osasco - SP

Cipeiros da Prefeitura tomam posse para o biênio 2012/2013




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Osasco

Na terça-feira, dia 17, foi realizada, no Centro de Economia Solidária, a cerimônia de posse dos membros da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) da Prefeitura de Osasco, para o exercício do biênio 2012/2013. Regulamentada pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), a CIPA, como o próprio nome diz, é um instrumento que os trabalhadores de empresas públicas e privadas dispõem para tratar da prevenção de acidentes do trabalho, como também solucionar problemas relacionados ao ambiente de trabalho.

A CIPA da Prefeitura é formada por 33 membros, sendo 18 eleitos e 15 indicados, e conta com representantes de todas as Secretarias Municipais. Eles participam de curso no início de cada exercício e de treinamentos periódicos durante a gestão. O atual presidente, Carlinhos Amaral, da Secretaria de Governo, foi reconduzido à presidência para o próximo biênio.  E no evento de posse, desta terça-feira, já marcou reunião para a próxima terça-feira, 23, quando será escolhido o vice-presidente. “Espero contar com o esforço e a dedicação de todos para essa nova etapa do nosso trabalho como cipeiros da Prefeitura”, disse.

Além dos novos membros da CIPA, a cerimônia de posse contou com a presença de Régia Sarmento, diretora do Departamento de Recursos Humanos, e da secretária adjunta da Secretaria de Governo, Estela Catarina, que representou o prefeito Emidio de Souza. “Trago a todos vocês o abraço do prefeito Emidio neste momento em que vocês assumem tão importante compromisso para o funcionalismo público de Osasco. A segurança permanente é também um direito de todos os servidores”, afirmou Estela Catarina.

Por sua vez, Régia falou sobre as responsabilidades que todos os cipeiros têm no seu dia-a-dia.  “Além do curso de 32 horas e dos treinamentos que todos fazem durante a gestão com membros do Corpo de Bombeiros, com a Defesa Civil e com os próprios funcionários da Segurança no Trabalho, os cipeiros devem sempre ter em mente as suas responsabilidades diárias, como orientar, fiscalizar e buscar soluções para os problemas a fim de evitar acidentes no trabalho. Por exemplo, se for notado qualquer problema em algum equipamento de segurança, é de responsabilidade do cipeiro comunicar isso à sua chefia para que o problema seja solucionado o mais rápido possível”, disse.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Osasco Fácil.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.