Quinta-Feira, 26 de Novembro de 2020

2/11/2020 - Osasco - SP

Seguro desemprego pode ganhar mais parcelas




Seguro-desemprego: Por que apenas metade dos trabalhadores demitidos  receberão parcelas extras?

 

Integrantes do Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) e do governo federal negociam o pagamento de mais parcelas do seguro desemprego para quem foi demitido sem justa causa entre 20 de março e 31 de julho.  Atualmente, o trabalhador recebe entre três e cinco parcelas, dependendo do tempo trabalhado e das vezes que já fez o pedido.

De acordo com o portal UOL,  o governo federal sugeriu duas parcelas a mais no período como auxílio durante a pandemia, em contraproposta apresentada ao Codefat. A sugestão deve ser votada na sexta-feira. A ideia é que os pagamentos sejam feitos exclusivamente até dezembro de 2020, quando se encerra o período de calamidade pública.

Nas contas do governo, a proposta terá um custo de R$ 7,3 bilhões e beneficiaria 2,76 milhões de pessoas.  Se aprovada no conselho, a proposta teria ainda de ser enviada ao Congresso para abertura de crédito extraordinário.   

 

Fonte: Metro



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Osasco Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2020, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.